fbpx
Análise de dados no varejo

Análise de dados para varejo: como os dados podem ajudar na tomada de decisão

O varejo é um setor amplo que envolve desde redes nacionais a pequenos negócios locais. As demandas por produtos inovadores e atendimento personalizado alcançaram o comércio varejista.

Uma estratégia relevante para atender essas necessidades, mas que nem sempre é considerada da forma como deveria, é a análise de dados.

Neste artigo, veja como os dados são importantes aliados na elaboração de um bom planejamento e auxiliam na tomada de decisões. Continue a leitura!

Qual é a importância da análise de dados no varejo?

O cliente que frequentou um estabelecimento comercial e os itens vendidos carregam informações relevantes, como:

  • hábitos de consumo;
  • marca e modelo preferidos;
  • comportamento do consumidor;
  • formas de pagamento mais usada;
  • sabores e cores com mais demandas;
  • itens menos desejados, que permanecem na prateleira.

São esses dados que formam o Big Data, um dos conceitos mais conhecidos da Indústria 4.0.

Com o omnichannel, sistema que conecta todos os canais de venda, os dados têm origem em diferentes fontes, considerando que o consumidor moderno pesquisa e compra on-line e off-line (presencialmente).

Seja qual for o canal usado, o comprador deixa informações importantes por onde passa. Por isso, o varejista deve acessar, armazenar e ter condições de realizar uma análise de dados eficiente. A partir dessas informações, poderá ter conclusões embasadas e tomar decisões acertadas.

Como funciona a análise de dados no varejo?

O varejo costuma prestar atendimento a elevado número de clientes. Como algumas vendas são sazonais, essa quantidade aumenta em certas épocas e diminui em outras.

Considerando que há ciclos de alta e ciclos de baixa, muitas vezes, os gestores perdem o controle sobre os números, tendo dificuldades em coletar, armazenar e analisar dados. Isso pode interferir no desenvolvimento das empresas e causar prejuízos.

As informações produzidas e armazenadas em um banco de dados são valiosas para o negócio. E, para garantir coleta, armazenamento e análise mais precisas, é comum que empresas contem com ajuda de softwares específicos, que centralizam dados como:

  • quantidade de vendas;
  • índice de fidelização de clientes;
  • percentual de clientes satisfeitos e insatisfeitos.

Quais são os benefícios da análise de dados?

A análise de dados no varejo oferece muitos benefícios ao negócio e, com o suporte tecnológico adequado, é possível obter resultados positivos. Veja, a seguir, as principais vantagens dessa prática!

Redução de custos

Um estabelecimento comercial pode fazer investimentos indevidos ou gastar mais que o necessário. Para evitar prejuízos, é fundamental acessar informações precisas sobre o caixa do negócio.

A análise de dados ajuda na compreensão do fluxo de caixa, dos investimentos, das despesas e receitas. Assim, o varejista pode atuar de forma proativa, antecipando e evitando erros, além de eliminar ações que podem atrapalhar o estabelecimento.

Aumento da produtividade

A prática de analisar dados permite ter conhecimento abrangente da empresa. Essa consciência permite ao gestor tomar decisões mais objetivas e bem direcionadas, o que melhora a evolução do trabalho e, consequentemente, a produtividade tende a aumentar.

Manutenção da competitividade no mercado

Nem é preciso lembrar o quanto existe competitividade no varejo. Há centenas, ou milhares, de varejistas que podem comercializar produtos iguais ou parecidos.

Manter bom nível de competitividade contribui para que o negócio não feche por escassez ou falta de vendas. Dessa forma, contar com relatórios detalhados de dados é essencial para continuar a competir com os concorrentes.

Personalização do relacionamento com o cliente

Pela análise de dados, o varejista tem conhecimento dos hábitos de consumo dos clientes. Isso também vale para mercadorias. É possível identificar o desempenho de cada produto, o que facilita o desenvolvimento de estratégias que:

  • evitem rupturas; 
  • melhorem o giro de estoque;
  • aumentem a visibilidade do ponto de venda;
  • alavanquem a venda de itens com baixa demanda.

Após cruzar o Big Data dos clientes com informações sobre as mercadorias, é gerado um cenário rico que pode ser explorado pelo gestor para personalizar o relacionamento com o cliente.

Nesse conteúdo, vimos como a análise de dados é significativa para a gestão de clientes. Com auxílio da tecnologia, esse processo se torna mais eficiente. Um bom exemplo é o IZ Loyalty, o único CRM para varejo que capta e segmenta as informações dos clientes no ponto de venda e consegue recomendar personas para as ofertas do varejo!

Quer saber mais como a tecnologia pode ser uma aliada na análise eficiente de dados? Conheça a solução da IZIO e veja como podem te ajudar a tomar decisões acertadas!

IZIO

View posts by IZIO
A IZIO é uma empresa especialista em tornar o #varejointeligente, usando #cashback e #crm para administrar o #loyalty. Conectamos as marcas, o varejo, a indústria com o #shopper
Scroll to top
HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com
Close Bitnami banner
Bitnami