fbpx
Inovação

Inovação – o que as empresas podem fazer em 2020

A inovação é uma realidade no meio empresarial. Por isso, as marcas precisam analisar as mudanças do mercado e se preparar para a concorrência.

Há alguns anos, no evento Unlocking Insights, Silvio Meira, sócio da MuchMore e Guilherme Horn, da Accenture, falaram sobre a relação entre inovação e pessoas.

Uma empresa não pode inovar sem ter os funcionários voltados para a inovação. Ou seja, se uma marca não trabalha com pessoas que passam o tempo pensando em como inovar, é praticamente impossível gerar uma mudança.

Marketing B2C em tempos de Covid-19

A maioria das estratégias estabelecidas para um bom marketing em 2020 se tornaram problemáticas. As empresas precisaram parar, retomar as ideias de criação para entender como fazer um “marketing de pandemia”.

O ideal para o marketing B2C é a compreensão do seu consumidor. Você precisa de clientes fidelizados e precisa gerar inovação para não perdê-los. Mas quem é esse consumidor no mundo pós pandemia.

De acordo com um estudo apresentado pela Nielsen, as compras de alimentos e produtos de higiene aumentou em todo o mundo. Os contágios nos Estados Unidos começaram na semana de 22 de fevereiro. Se nós compararmos a venda de álcool em gel nessa semana, com a mesma semana do ano passado, vamos ver que o aumento foi de 85%.

Mas por quanto tempo isso vai durar?

Um estudo publicado na revista científica The Lancet, afirmou que a quarentena pode causar fortes consequências na nossa saúde mental. Inclusive, o estudo aponta que algumas pessoas podem ter sintomas semelhantes aos do estresse pós traumático.

Por isso, torna-se difícil prever o que esperar dos clientes para o resto do ano. Especialmente em um país como o Brasil, que em março já havia atingido a marca de 11,9 milhões de desempregados.

Entretanto, por mais que as expectativas não sejam das mais altas, nós temos um ponto a levar em consideração e um exemplo que pode deixar essa questão ainda mais plausível.

Uma das causas relacionadas ao transtorno compulsivo que faz pessoas fazerem compras em excesso é a depressão. O que pode acontecer em um período de quarentena. Isso não significa que nós teremos mais pessoas compulsivas no mercado, mas que – em um primeiro momento – as pessoas sintam mais necessidade de gastar.

O exemplo aconteceu na cidade chinesa de Guangzhou. Quando aconteceu a reabertura do mercado, a loja de luxo Hérmes vendeu 2,7 milhões em um dia.

Mas, então, como posso inovar ainda em 2020?

Inovação e tecnologia

Quando se torna difícil entender o comportamento do público, se torna difícil planejar novas ações. Entretanto, ficou claro que no Brasil algumas marcas ainda não inovaram de forma básica.

Uma ferramenta que durante muitos anos foi negligenciada no nosso país é o e-commerce. Entretanto, desde que a pandemia começou, o número de vendas pela internet aumentou em 180%.

Isso significa que uma pequena parcela das marcas está ficando com um bom retorno financeiro. E, enquanto isso, há um grande número de marcas esperando o fim da pandemia para tentar se reerguer.

Um grande exemplo disso é a Amazon. Segundo o jornal Wall Street Journal, a empresa – que é responsável por 1/3 do comércio varejista americano quer incentivar as pessoas a comprar só o necessário. Isso pelo fato de que eles contrataram 100 mil pessoas para trabalhar nos seus centros de distribuição e mesmo assim não estão conseguindo garantir as entregas.

Planejamento básico

O trade marketing é um dos pontos fundamentais desse momento. Além disso, também é importante que as marcas tenham em mente que o pricing dos produtos em 2020 se tornou um diferencial ainda mais importante.

Tentar ganhar financeiramente por meio do aumento de valor dos produtos é uma das piores estratégias a se ter esse ano. Especialmente se o seu target  é o C e D.

É necessário lembrar que ao menos 7,2 milhões de brasileiros vão passar alguns meses vivendo com apenas R$600.

E também é preciso levar em consideração que, segundo apontam os estudos, nós talvez tenhamos que voltar para a quarentena em alguns meses.

Portanto, para inovar em 2020 o questionamento da sua equipe deve ser: “Como vender para um público que não pode sair de casa”.

Com certeza, esse é um momento para tentar mudar o mercado.

Fontes 1, 2 , 3  e  4

IZIO

View posts by IZIO
A IZIO é uma empresa especialista em tornar o #varejointeligente, usando #cashback e #crm para administrar o #loyalty. Conectamos as marcas, o varejo, a indústria com o #shopper

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Scroll to top
HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com
Close Bitnami banner
Bitnami